Unid. Santana de Parnaíba
11 4705 8288 11 4705 8289 Unid. Cajamar
11 4408 6172 11 4498 5039 Unid. Sumaré
19 3054 2491
Unid. Santana de Parnaíba
11 94682 7073 Unid. Cajamar
11 95405 5029 Unid. Sumaré
19 98836 5851

Gengivas vermelhas. Pode ser um sinal de gengivite.

Gengivas vermelhas. Pode ser um sinal de gengivite.

Sua gengiva está vermelha ou inchada? Sua gengiva sangra durante a escovação ou o uso do fio dental?  Percebeu se sua gengiva se afastou de seus dentes, formando uma “bolsa”?
Quando a gengiva se apresenta avermelhada, inchada e com surgimento de sangue nas escovações alertamos aos sinais de uma gengivite, podendo estar ou não em um estágio avançado. E, como nem sempre dói, é importante entender melhor as causas, sintomas e tratamentos.

O que é gengivite?
Gengivite é uma inflamação da gengiva que acaba formando placas bacterianas na gengiva e, com o tempo, podem afetar osso e ligamentos nos dentes. 

Sintomas da gengivite:
. Dentes parecem mais longos devido à retração da gengiva;
. Gengivas vermelhas, inchadas e irritadas;
. Verifica-se sangue na pia ao cuspir;
. Gengivas se separam ou se afastam dos dentes, criando uma “bolsa”;
. Mudança na forma como os dentes se encaixam numa mordida;
. Secreção de pus ao redor dos dentes e da bolsa gengival;
. Mau hálito e gosto ruim na boca.

Causas da gengivite:
A causa mais comum é a falta de cuidados diários com a higiene bucal, tais como:
. Escovação de forma incorreta;
. Não escovar e nem usar fio dental regularmente (ou fazê-lo de modo inadequado);
. Acúmulo de placa dentária que desenvolve o tártaro;
. Aparelhos bucais mal encaixados ou mal limpos.

Fatores de risco:
Qualquer um pode ter gengivite, mas alguns fatores considerados de risco, além da higiene bucal precária, contribuem para o desenvolvimento dessa inflamação. Verifique:
. Fumo;
. Imunidade baixa;
. Diabete;
. Uso de medicamentos específicos e contínuos;
. Infecções virais e fúngicas;
. Deficiências nutricionais;
. Boca seca;
. Mudanças hormonais (gravidez, puberdade, anticoncepcionais, ciclo menstrual).

Tratamento da gengivite:
O tratamento tem como princípio eliminar as causas para reverter os sintomas da inflamação, impedindo que ela progrida para alguma situação mais grave. 

Aqui, na CLÍNICA DO FUTURO, entendemos que o tratamento começa com a união de forças entre os profissionais da saúde e os cuidados do paciente.

A CLÍNICA DO FUTURO investe num tratamento inicial com:
. Avaliação bucal;
. Instruções para escovação correta e uso do fio dental;
. Limpeza (profilaxia) para remoção de toda a placa presente na superfície dos dentes e tártaro;
. Reparo de aparelhos ortodônticos, próteses e restaurações que possam estar dificultando a higiene.

Dica da CLÍNICA DO FUTURO: PREVINA-SE!
A melhor forma de prevenir a gengivite é manter uma boa higiene bucal, ou seja, com escovação completa de todos os dentes, língua, gengivas, paredes internas e céu da boca, com uso de fio dental e enxaguante bucal para eliminar as bactérias que possam ter escapado do alcance da escova de dente; além de visitas regulares ao dentista para checkups e eventuais limpezas.

Vá até a unidade mais perto de você e faça um checkup preventivo.
Unid. Cajamar:
whats:  11 95405 5029

Unid. Santana de Parnaíba:
whats:  11 94682 7073

Unid. Sumaré:
whats: 19 98836 5851

Mais recentes